Esterilização masculina

ESTERILIZAÇÃO MASCULINA

Uma solução permanente.

BLOQUEANDO OS ESPERMATOZOIDES NA FONTE

A esterilização masculina, também conhecida como vasectomia, é um método anticoncepcional cirúrgico permanente. Envolve o corte dos tubos que transportam os espermatozoides dos testículos para o pênis durante a ejaculação, em um procedimento realizado com anestesia local. Como é um procedimento permanente e altamente eficaz, é uma opção para quem não deseja ter mais filhos.


Depois do procedimento, o homem ainda consegue ejacular, mas o líquido seminal não conterá nenhum espermatozoide. A esterilização somente afetará a fertilidade do homem, e não sua libido ou capacidade de ter relações sexuais. No entanto, é importante consultar um médico antes de decidir. Ele ajudará a ponderar os benefícios e riscos e lhe aconselhará com relação a outros métodos anticoncepcionais de longa duração, como SIU e DIU. Algumas vezes é possível reverter a vasectomia, mas o procedimento é muito complexo; portanto, não há garantia.

Esterilização masculina

COMO AVALIAR

Hormônios

Não, a esterilização masculina não inclui hormônios.

Facilidade de uso

A esterilização masculina é permanente. Uma vez que o procedimento seja realizado, não é possível voltar atrás.

Sua menstruação

A esterilização masculina não tem nenhum efeito sobre a menstruação.

COMPARE MÉTODOS

O QUE VOCÊ PRECISA SABER

1775

Ano em que a primeira vasectomia foi realizada.

ZERO

O fluido seminal ejaculado por um homem esterilizado não contém espermatozoides.

10.000

Aproximadamente o número de vasectomias realizadas em todo o mundo a cada ano.

  • É permanente.
  • Permite a espontaneidade e não interrompe a relação sexual.
  • Não tem hormônios e pode ser uma opção para mulheres que sentem os efeitos indesejados dos hormônios.
  • Não tem nenhum efeito sobre a menstruação.
  • Um médico deve realizar o procedimento, que pode envolver anestesia geral.
  • Alguns homens sentem dor, sangramento, infecção ou outras complicações após o procedimento.
  • Não é reversível.
  • Não protege contra HIV/AIDS e outras infecções sexualmente transmissíveis (ISTs).

PRECISA DE ORIENTAÇÃO? CONVERSE COM O SEU MÉDICO

Marque uma consulta com o seu médico para melhor atender às suas necessidades.

VOCÊ CONCORDA?

CONSIDERE ISSO

O seu diafragma precisa cobrir seu colo do útero completamente para funcionar. Se você sentir que seu diafragma não está encaixado direito, consulte seu médico. Ele poderá aconselhar você sobre o encaixe correto. Enquanto isso, considere um método contraceptivo alternativo, como um preservativo.

SAIBA MAIS

CONHEÇA SUAS OPÇÕES

COMPARE MÉTODOS